Novo(a) Apresentação do Microsoft PowerPoint.jpg
unnamed.jpg

DJ Tati Laser

 

A DJ Tati Laser está sempre com pressa, vem daí o apelido inusitado. Mas há um momento em
que ela para, pensa e esquece a correria: na frente dos toca-discos.
A paulistana Tatiane da Silva Oliveira cresceu ouvindo todos os tipos de música, acumulando
conhecimento e bagagem musical elementos essenciais para levantar qualquer pista de dança.
Ela decidiu ser DJ ainda na adolescência, foi pesquisar e encontrou uma oficina cultural onde
aprendeu o básico para discotecar. Hoje, Tati Laser é uma das poucas mulheres que comandam
pick-ups na cena Hip Hop. Ela toca Rap Underground, R&B, Soul e outras vertentes.

 

www.instagram.com/djtatilaser/
 

Novo(a) Apresentação do Microsoft PowerPoint.jpg
unnamed.jpg

DJ k-Mina

 

Camila Mina desde a infância teve envolvimento com a música através da influência do pai que
é músico. Seu primeiro contato musical foi através do coral da igreja, sempre foi apaixonada
por Black Music, passou a frequentar as festas e eventos do gênero.
Em 2010 participou do Projeto Hip Hop de Salto na escola E-djs no projeto da crew Applebum,
esse primeiro contato com os toca discos foi mágico e por incentivo da sua educadora Dj Vivian
Marques, voltou a treinar e em 2015 foi convidada a discotecar na festa “NOS TEMPOS DA
SOWETO”, festa criada pelos Djs KL JAY, VIVIAN MARQUES E FRESH.

 

www.instagram.com/djkmina/

Novo(a) Apresentação do Microsoft PowerPoint.jpg
IMG_6385-720x400.jpg

DJ NIELY

 

Já tocou para grandes nomes como a dupla Oshun (NY), Sharylaine, Brisa Flow, MC Soffia, participou ainda como oficineira nos projetos: Mulheres Multiplicando a Cultura, discotecagem na Virada Cultural de SP, Semana de hip hop SP e Bauru, dentre outros.

 

Realizou turnê pelo nordeste (Sergipe, Alagoas e Recife) e pela Europa. Possui um texto: "Bom dia, noite" que saiu no livro coletânea "Perifeminas II - Sem Fronteiras" e participou também do livro "Pelas Periferias do Brasil - VI" com um conto de 6 paginas.

 

É apresentadora do programa TV nas Ruas e DJ oficial de Priscilla Feniks, Lunna - Livre Ameaça e Agbara Crew.

Novo(a) Apresentação do Microsoft PowerPoint.jpg
unnamed.jpg

LUNNA - LIVRE AMEAÇA

 

Cantora de rap, iniciou na cultura Hip Hop em 94 e de lá até a atualidade nunca parou, foi integrante do grupo justiça do Rap e grupo Livre ameaça, mas em 2019 anunciou carreira solo.

Lunna  já participou de dos CDs coletâneas: 12 Revelações da 105 FM, Reviravolta Máfia, Mulheres Guerreiras de Brasília e São Paulo tem a Voz.  Participou de músicas com os grupos 6 Máfia, Fator X, Vera Veronika, Cronica Mendes, dentre outros.

 

Além de cantar, ainda é oficineira de hip hop e criação de fanzine. Lunna ainda da palestras sobre temas relacionados a questão de genero. Esta presidente da Frente Nacional de mulheres no Hip Hop e coordena o Portal Mulheres no Hip Hop e o Fórum Nacional de Mulheres.

Novo(a) Apresentação do Microsoft PowerPoint.jpg
IMG_3018.jpg

PRISCILLA FENIKS

 

Cantora e compositora que traz a visão feminina das ruas explorando diferentes flows e melodias.

 

A artista, que se considera uma fênix – pássaro da mitologia egípcia que ressurge das cinzas – por sobreviver a diversas situações nas cidades onde já residiu, lançou seu primeiro álbum em 2013, intitulado Só a Gente Sabe.

 

Novo(a) Apresentação do Microsoft PowerPoint.jpg
262633_120480724707252_463221_n.jpg

B. GIRL POTIRA

 

Participante de diversos campeonatos de breaking como WE B girl, Freestyle session e Batalha Final entre outros.


Realizou trabalhos com dança para o Centenário do Corinthians, Marca de roupa e sapado (Globe e MCD).
 

Oficineira da semana de Hip Hop da Capital por 5 anos seguidos, foi jurada de campeonatos de breaking e é autora do livro ``Perifeminas´´.


Junto ao grupo “Bonnitas Crew” fez a abertura do primeiro festival Hip Hop Cearense e realizou o documentário (Elas por Elas - Projeto patrocinado pelo VAI).
 

É professora de Danças Urbanas e Jazz .